Assembleia realizada em abril definiu mudança na diretoria, alterou estatuto e acolheu mais cinco entidades-sócias.

O diácono Luiz Cezar da Silva é o novo presidente da Cáritas Diocesana de Ponta Grossa (CDPG). Ele substitui o diácono Flávio Antonio Pauluk. A oficialização da mudança aconteceu durante assembleia realizada no dia 6 de abril, no Espaço Cultural Sant’Ana, em Ponta Grossa. Além de definir a nova diretoria para a gestão 2012-2014, a assembleia também serviu para adequar o estatuto social conforme orientação do Conselho Municipal de Assistência Social de Ponta Grossa.

“Tivemos que alterar o texto do estatuto devido a uma exigência do Conselho, onde a Cáritas Diocesana é inscrita como entidade de assessoramento”, explica a assistente social da CDPG Érica Francine Pilarski Clarindo. No texto original, a Cáritas constava como entidade de atendimento. Mas o que ela faz, na verdade, é prestar assessoria técnica e financeira às demais entidades ligadas à execução de ações sociais.

Outra mudança providenciada no estatuto foi a redução do tempo de mandato da diretoria, que passou de três para dois anos. Conforme o diácono permanente Flávio, esse novo prazo segue o padrão já usado pela Cáritas Brasileira Regional Paraná (CBPR), na qual os representantes da diretoria permanecem no cargo por dois anos, podendo ser reconduzidos por mais dois.

A assembleia eletiva estava prevista para acontecer em agosto. No entanto, para adequar o andamento dos trabalhos na Diocese com a caminhada realizada pela CBPR, que fará eleição em junho, a Cáritas Diocesana optou por antecipar a eleição. Um dos participantes da assembleia realizada em Ponta Grossa foi o secretário executivo da CBPR Amauri Antonio Mossmann. Ele fez uma apresentação sobre a caminhada da Cáritas no Estado.

Estiveram presentes 13 entidades-sócias da CDPG e outras cinco foram acolhidas: ABASE (Casa do Piá); Associação Servos da Misericórdia; Comissão Diocesana de Diáconos Permanentes (CDD); Sociedade Beneficente Nossa Senhora Medianeira; e Obras Sociais da Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora.

Por:

Tiago Luiz Bubniak – Jornal “A Boa Nova” – Diocese de Ponta Grossa

No related posts.