Como parte da programação da 51ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), que ocorre desde o dia 10 em Aparecida (SP), a Cáritas Brasileira apresentou nesta quinta-feira, dia 17, a prestação de contas do Fundo Nacional de Solidariedade (FNS) 2012.

Maria Cristina dos Anjos, diretora executiva nacional da entidade, no momento da apresentação lembrou que em 2013 se comemora os 50 anos da Campanha da Fraternidade e 15 anos de consolidação do Fundo Nacional da Solidariedade. “Nesses anos o FNS recebeu em torno de 47 milhões de reais e apoiou cerca de três mil projetos em todo o país. Quando iniciamos em 1999, a primeira arrecadação foi em torno de 3 milhões de reais. Em 2012 esse valor chegou a 13 milhões de reais”, comemorou.

A diretora ainda ressaltou que desde 2011, a Cáritas firmou uma parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) que ampliou em 50% os recursos destinados aos projetos produtivos. “É uma nova experiência em que tanto a Cáritas quanto os grupos estão se adaptando a esse novo formato”, comentou Maria Cristina. Ela ainda afirmou a necessidade de revisão dos critérios do FNS, além da necessidade de maior publicidade dos resultados e formação de agentes para contribuir com os grupos na elaboração dos projetos, no acompanhamento e no monitoramento da execução dos projetos.

“Estamos felizes com a caminhada do FNS, pois acreditamos que ele tem sido uma ferramenta importante na caminhada de muitos grupos, comunidades, pastorais e movimentos sociais em todo o país”, destacou.

Confira o vídeo apresentado na 51ª Assembleia Geral da CNBB

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=W8HQN8eT_Zg

por Thays Puzzi, assessora de Comunicação da Cáritas Brasileira / Secretariado Nacional 

No related posts.