Entre os dias 13 e 15 de Agosto de 2013, aconteceu o Inter-Regional Sul, na Casa do Trabalhador – CEPAT, Sitio Cercado, Curitiba/PR. Tivemos a presença de 40 pessoas dos três regionais que compõe o Inter: Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Ainda tivemos a presença do Secretariado Nacional, representado por Jaime e ainda a presença do Bispo Referencial do Paraná Dom Geremias.

O encontro iniciou com a espiritualidade, em seguida tivemos a Analise de Conjuntura  sobre o tema “Brasil: tecnicamente moderno e eticamente atrasado”, feita pelo Prof. André. Na sequencia tivemos a apresentação da Campanha Internacional da Cáritas e as estratégias da campanha para o Brasil, que trás como tema: “Uma Família Humana – sem Fome e sem Pobreza”, apresentado pelo Jaime.

Num segundo momento do encontro o objetivo foi refletir o tema da Assembleia Nacional, o Inter-Regional Sul, optou para refletir o tema da Campanha Internacional da Cáritas, pelo aspecto da Segurança Alimentar e Nutricional, pois, segundo o assessor do encontro Ir. Irio Conti “O direito à alimentação adequada realiza-se quando cada homem mulher e criança, sozinho ou em companhia de outros, tem acesso físico e econômico, ininterrupto, à alimentação adequada ou aos meios para sua obtenção”.

No terceiro dia trabalhamos o PMAS (Planejamento, Monitoramento, Avaliação e Sistematização). O Secretário Jaime falou da importância e explicou a dinâmica do PMAS, bem como o POA (Planejamento Operacional Anual). O monitoramento tem por objetivo acompanhar as atividades realizadas a partir do Planejamento Operacional Anual de cada instância, buscando verificar sua relação com os objetivos, indicados e metas do quadrienal da Cáritas Brasileira.

Além, disso o encontro foi um espaço para expor sobre os projetos: CFES (Centro de Formação em Economia Solidária), Fundos Rotativos e Centro de Referencia de Direitos Humanos e Cidadania e também discutir sobre a sustentabilidade da Cáritas.

O encontro veio trazer diversas perspectivas pela qual a Cáritas esta caminhando para buscar sempre realizar a sua missão de Organismo da Igreja, com um olhar para os Pobres, excluídos e que passam fome.

Por Amauri Antonio Mossmann, Sec. Executivo da Cáritas Brasileira Regional Paraná.

 

 

No related posts.